quinta-feira, janeiro 15, 2009

E a saga das arbitragens continua














A arbitragem em Portugal é, definitivamente, uma MERDA.

O Rio Ave-SCP da Taça da jola estava a ser monótono, animando às vezes com umas belas frutas que os gajos do Rio Ave iam dando. Um sr. chamado Tarantini (será nado algures em Corleone??) fica em campo por especial favor, depois de arrear a 2ª patada no Pedro Silva merecedora de amarelo. Um outro, com nome com pergaminhos no hóquei, tem uma entrada ao Moutinho que até arrepiou. 11 contra 11 é que é, adiante...

No fim, o golo que o jogo merecia: em fora de jogo descarado, que só um incompetente auxiliar não vê. Vários, na mesma jogada. Um fartote. Desta vez, para o SCP. Também já mereciam um colinho.

Eu quero acreditar que não foi premeditado, depois do alarido causado pelo Paulo Baptista na Luz. Mas que tresanda a compensação, para distrair...

12 comentários:

PWFH disse...

Segunda-feira, Janeiro 12, 2009
"Mais uma vez, é ver os galinhas ao colo da arbitragem."

Este post pseudo-redentor não te cai mto bem, és um granda chorão! Dasssss


E os tripas são os "máióres"! A "giente dá cuonta deles só cão as reserbas". Ou não!

HR disse...

Sim, Antónis. O árbitro que validou o golo descaradamente em offside ao Vuk é tão maquiavélico que pensou: «Agora valido este golo, mas não é para dar a vitória às tixas. Assim já ninguém fala do meu Benfica...»

Tonterias...

PWFH disse...

O Jesualdo na sua pose irritante afirmou não ter conseguido ver o jogo, as reserbas num bíam a buola e num biram o golo.
Hummmm cá para mim não usam os mesmos farois de nevoieiro que os madeirenses!

antónis disse...

Posta redentora uma ova, ainda poderia ser se o colo e a competição em causa fossem comparáveis.

A Taça Carlsberg não é, nem nada que se pareça, o campeonato, e o golo em fora de jogo, ainda que mais descarado que o de Domingo, é largamente ultrapassado na questão dos penaltis: o gajo erra em 3, no que marca e nos 2 que não marca, e, certamente por uma estranha coincidência, todos estes erros beneficiam a mesma equipa, em prejuízo do Braga, e indirectamente, o SCP (que ficava na liderança) e o FCP.

Um detalhe: nem era necessário. O SCP estava à frente, e mesmo com um 0-0, a qualificação estava quase garantida. O benfas é que há 2 meses não conhecia a vitória, e se não fosse o empurrão(zão), levava nas patas com toda a justiça

Edson Arantes do Nascimento disse...

Olha Antónis, bem que te podes ir foder à vontadinha.

Essas contabilidades saem sempre à casa, ou também não "enxergaste" (por exemplo) o penalty do Frechaut sobre o Suazo, ainda havia 0 e 0?

E quando vieres com esses argumentos de filho-da-puta "ah, porque ah, porque as competições são diferentes" lembra-te do alarido da época passada quando o Adu facturou um penalty ridículo na Reboleira, para a mesma Taça das Verdinhas.

Lembra-te e depois fala, é que nós andámos a levar com esses argumentos até ao fim da época e mesmo ficando num miserável 4º lugar (este "colinho" é uma merda, nem para a Champions nos vale).

Mais: esse teu argumento, repito, à filho-da-puta, demonstra bem a falta de conceito dos lagartos.

Seja qual for a competição (ainda por cima "oficial"), pede-se, por favor, para que a arbitragem seja o melhorzinho possível (em Portugal não dá para pedir mais), a bem da nossa saúde mental e a bem do futuro destas competições desportivas...

Já agora, e a título de conclusão, já que estão assim tão ciosos com a arbitragem (e isto verifica-se há cerca de 10, 15 anos, com lutos à mistura e tudo) sugiro que escolham um presidente que não se sente com nem apadrinhe negócios e afins com pessoas que dirigem clubes condenados por corrupção e persuasão de árbitros!

Quando isso acontecer, terão o meu respeito, até lá, vão-se foder e calem-se que já ninguém vos pode ouvir, parecem uns caniches com doença de Parkinson!

antónis disse...

Edson:

penalti do Frechaut só se for sob análise do Silvio Cervan, ou outro atrasado mental do género,

As competições são diferentes na medida em que o campeonato dá acesso à liga dos campeões. Prova em que, se vocês não vão no ano que vem, bem que podem pensar em onde é que vão desenterrar guito: ou pensas que emprestimos obrigacionistas uns a seguir aos outros não têm que ser pagos, é só torrar arame em balboas e barretes quejandos,

Se ficaste em 4º, é porque o grande presidente que tens tem mais lingua que miolos, e o unico gajo que tinhas a jogar de jeito era um veterano de 35 anos. De resto, do treinador à equipa, lixo, e algum dele bem caro.

Não contentes, tentaram sacar na secretaria o que não conseguiram no campo - onde este ano dizem que não conseguem por causa do Pedro Henriques. Devias era ter vergonha da direcção que tens.

O jogo da Amadora que falas só teve importancia porque se não fosse esse penalti iam de leste logo na fase de grupos. Nas competições nacionais, o glorias não pode. Na UEFA, sem empurrão, este ano já foram - com um suadissimo pontinho. É a diferença...

Numa coisa concordo contigo: gostava que a arbitragem, já que não é competente, que seja isenta. Vergonhas como a de Domingo passado não podem acontecer, numa competição com as consequencias do campeonato. Há titulos, prestígio e acesso aos milhões da Champions que não se compadecem com o grau de favorecimento com que o PBaptista presenteou o SLB.

A tua sugestão presidencial é devolvida: arrangem um presidente sem cadastro criminal, e sem estar enterrado até às orelhas nas escutas do apito. E já agora, que não diga "adem", "não me acredito" e outra pérolas, entre "huns".

O teu respeito e o dos restantes lampiões é dispensado. Não faz cá falta.

P.s. O teu presidente é sócio do FCP. O meu não

antónis disse...

errata: onde escrevi "arrangem", deve-se ler arranjem. Typo assumido

Diego Armés disse...

"Vergonhas como a de Domingo passado não podem acontecer, numa competição com as consequencias do campeonato."

Para além de um post mediocremente cobardolas, numa onda de "antes que me fodam as orelhas, deixa-me cá fingir que me penitencio e que sei ver bola sem palas" (ou, na gíria, "manobra de diversão estratégica"), ainda tens a baixeza de te saíres com um argumento destes... Olha, sobre coisas feias, erradas e devidas consequências comparáveis, deixo-te um pedido: se continuares a comer merda, não arrotes perto de mim. Não deixas de comer merda, mas a consequência não é tão nefasta. E já agora, vai bardamerda. Que é para não fugir à essência da tua teoria.

antónis disse...

Eu gosto é disto, eu vs.os lampiões todos do blog.

O registo acaba de baixar ao nível que lhes é habitual, entre o insulto fácil, e a piadola de andaime de teor escatológico e/ou sexual. Gosto tanto de os ver a espumar...

Pois bem, lampiões, que vão vocês todos também foder-se, comer merda às pazadas, com ou sem mosca varejeira, mamar na 5ª pata do bode, levar bem no fundo do cu, e essas coisas todas.

Por momentos senti-me mais um grunho desdentado no 3º anel. E a sensação não é das melhores. Já passou...

Diego Armés disse...

És um fraco. Metes-te com paleio patético e não te aguentas aos argumentos que te saem pela frente. Armas-te em moralista e apresentas dois pesos e duas medidas. Chamas grunhos aos outros e ainda os acusas de baixarem o nível ao seu estilo habitual. Não tarda muito que deixe inclusivamente de perder o meu tempo a ensinar-te a escrever. A acção só estaria completa se lhe viesse anexado um curso de interpretação de texto. É o que dá uma pessoa por momentos ceder à tentação de atribuir alguma importância a um excursionista. Lição aprendida.

antónis disse...

Eu argumentos não vi, só caralhada, que será talvez argumento em "lampionêz", mas no meu meu caso soa apenas a vómitos de broncos lampiões, que a merecerem resposta, será apenas do mesmo teor: raso, como o nível do clube. Mais nada.

Não tinha notado que me estavas a tentar ensinar a escrever, ainda que sem curso de interpretação de texto. Agradeço penhoradamente a sábia ajuda de V. Exa.

Dado que não me havia dado conta desta preciosa ajuda, vou dar um 2º olhar, mais atento desta feita, sobre o que o Mestre disse.

Olhando os comments, pouso a vista sobre este ilustrativo trecho:"se continuares a comer merda, não arrotes perto de mim". Que finura de escrita, que elevação no pensamento, que suculento pedaço de prosa. O que eu dava para poder escrever assim…

Estás lá, o Lobo Antunes, esse chato de merda, que não se ponha a pau, que lhe vais roubar, perdão, esbulhar, o malfadado Nobel que há tanto persegue.

De um humilde excursionista, e pior escriba, com amizade

Diego Armés disse...

Sem o guia de interpretação, tenho de falar no teu registo. Parece-me óbvio.