quarta-feira, abril 09, 2008

AGARRA QUE É LADRÃO Parte II






Jorge Coroado admitiu, esta terça-feira, durante a sessão do julgamento do processo «Apito Dourado» ter prejudicado o F.C. Porto num jogo com o Benfica.

«Vinha em recuperação. Puni o guarda-redes Vítor Baía com o cartão amarelo, mas quando cheguei ao meu assistente ele disse que se tinha enganado e não tinha havido infracção, era ao contrário, e não voltei atrás na minha decisão», adiantou o ex-árbitro.

Mais informação em www.maisfutebol.iol.pt

Saudações do TRI CAMPEÃO!!!

3 comentários:

Don Cassola ™ disse...

Quem é o Vítor Baía????
Não tens mais "actualidades" que queiras partilhar????

HR disse...

Eu, por acaso, até me lembro de ver esse Vítor defender fora da área (por exº contra o SLB) e não ser marcada sequer falta; e a tirar bolas de dentro da baliza (também contra o SLB) sem ser validado golo...
Para a próxima podes vir falar das faltas que ficaram por marcar (e dos cartões não mostrados) em entradas maldosas sobre o Paulinho Santos!

Ronha disse...

O Sidekick já entregou a aposta. Tá limpo.