quinta-feira, março 27, 2008

Um mar de equivocos

Um mar de equivocos Sr. Scolari!

A escassos três meses do início do campeonato da Europa é com grande apreensão que olho para a nossa selecção. Não ganhámos a Grécia, o que por si só não espanta ninguém, mas hoje não ganhávamos a ninguém. O Sr. Scolari, ao invés de começar verdadeiramente a preparar a selecção para a importante competição que se avizinha, continua a fazer as suas experiências, e muito há a apontar ao que se viu esta noite.

Podemos começar pela estratégia/táctica (ou falta dela) utilizada pela selecção. Ora se a Grécia é uma selecção sobejamente conhecida pelo seu futebol defensivo e de contenção vamos entrar com 2 médios defensivos? Dois laterais defensivos? Só um homem na frente? Qual era a ideia? Jogar à moda da Grécia para ganhar à ... Grécia?!?!

Quanto aos jogadores, bem..., o guarda-redes é discutível (dois golos iguais???), mas ainda assim dá-se o benefício da dúvida; Paulo Ferreira em vez do Miguel? – nunca; porque não o Jorge Ribeiro (a fazer grande época!) no lugar do Caneira, que apesar de cumprir nunca passará de um central adaptado a lateral?; concordo com os centrais; Meira a trinco? – já se provou por vezes sem conta que não rende nesta posição; “Beckam” Veloso a titular e Moutinho no banco? – que disparate!!!; Carlos Martins??? Volto a perguntar: Carlos Martins??? – nem no Sportém tinha lugar e joga a titular na selecção? – tende juízo!; quanto aos alas nada a dizer; Nuno Gomes? Sozinho na frente? NÃO!! Embora mais uma vez tenha ficado demonstrado que quando joga com alguém à sua frente(entrada de Hugo Almeida), o seu rendimento sobe exponencialmente, dando até para marcar golos!!

A falta do jogador mais importante da selecção não é justificação suficiente para tão mau desempenho, uma desgraça!

Esperemos, para bem de todos, que não tenha passado de um mau ensaio para uma peça que se espera grandiosa, mas que a continuar assim, se adivinha vergonhosa! Oxalá me engane!

3 comentários:

Anónimo disse...

O que é preciso para que Scolari dê o lugar a outro?

O ciclo de Scolari á frente da Selecção nacional de futebol chegou ao fim. Aliás, já tinha chegado depois do Mundial de 2006.
A equipa não tem motivação, não consegue formar um colectivo, não se esforçam como já o fizeram (e como o fazem nos clubes), nota-se claramente que o grupo precisa de uma lufada de ar fresco e, como já aqui o defendi, tal passa pela saída de Scolari.

Escolhas erradas, quer nos convocados, quer nos escolhidos. Ontem, frente à Grécia, isso ficou mais uma vez demonstrado. Postiga está em boa forma, tal como Quim e não foram chamados. Maniche rende sempre mais que Meira e Hugo Almeida e Jorge Ribeiro mostraram que tinham de ser titulares. Miguel Veloso e Carlos Martins mostraram que não podem jogar.
Com Ronaldo e Nani de fora, havia apenas dois "extremos". Com a lesão de Simão aos 10 minutos de jogo, ficámos sem uma única alternativa para o lugar. Moutinho só jogou bem quando foi para o meio. Nuno Gomes joga melhor com outro avançado (até marcou um golo com Hugo Almeida já em campo) e toda a gente sabe isso. Menos Scolari, claro...

E Scolari ainda vem dizer que "a equipa esteve razoável em alguns aspectos. Em algumas situações deu para nós avaliarmos correctamente alguns jogadores que entraram no decorrer no jogo não surpreenderam, mas tiveram atitudes muito positivas. Acho que neste jogo ganhámos um ou dois atletas para o Europeu".
Por favor...

Já o escrevi e repito: se fosse um clube, o treinador já tinha certamente sido substituído. Mas Scolari continua lá. A jogarmos assim, duvido seriamente que passemos da primeira fase (de grupos) e consiguemos alguma vitória sequer...
Pergunto à Federação de Futebol: quantas mais derrotas precisamos de sofrer para perceberem que chegou a altura de Scolari sair?

Cumprimentos.
Ricardo S

tripeirossos disse...

Viva o Socolari!! Viva a Selecção!!!

Gosto de os ver assim no bom caminho!

Tiagojcs disse...

Concordo com tudo o que foi dito , ja tinha expressado estas mesmas opinioes e duvidas em http://catedraldapalavra.blogspot.com/